#FOURTEEN

editorial CATORZE
 

 

Com o número #CATORZE da revista Estudo Prévio, através da entrevista a um dos professores de projeto da UAL, mantemos a opção de acrescentar valor ao projeto editorial inicial - situado na academia, promovendo reflexão e partilha de conhecimento através da palavra dita e escrita, cruzando saberes e investigações de diferentes localizações geográficas e profissionais – alargando o âmbito das colaborações já estabelecidas pela revista ao longo dos últimos 6 anos. 

No mesmo sentido, retomamos o número com um tema definido, desta vez o território da Ilha da Madeira, como linha condutora que serve de mote para flutuações entre a palavra dita, o texto académico, a recensão e o ensaio visual. Contámos para compilar este número com a entrevista ao arquiteto/professor Rui Mendes, o ensaio visual do arquiteto/fotógrafo Duarte Belo, um artigo mais extenso sobre o Ordenamento do Território na Madeira do arquiteto Roberto Rodrigues e por fim uma recensão, não de um livro mas de um plano, da autoria de Gerbert Verheij.   

Alguns destes contributos, embora não completamente inovadores, procuram abordagens diferenciadoras, resultado de olhares que, cremos, contribuem de forma decisiva para alargar o atual pensamento face às problemáticas territoriais contemporâneas, que se complexificaram nas últimas décadas

 

 

 

estudoprévio linha editorial

 

 

 

A revista ESTUDO PRÉVIO é uma publicação semestral do Centro de Estudos de Arquitetura, Cidade e Território da Universidade Autónoma de Lisboa (CEACT/UAL).

Com esta publicação queremos projetar um lugar novo onde a partilha do conhecimento pode ser feita com a naturalidade de uma conversa, com o rigor de um artigo técnico, com a apresentação de um livro ou ainda através o debate aberto na comunidade digital.

A proposta de criar mais uma revista de arquitetura foi, desde o início, um desafio para escolhermos um caminho um pouco diferente e por isso criámos uma linha editorial centrada nas condições reais que determinam a produção arquitetónica ainda antes de qualquer esquiço ou maqueta, ou mesmo ainda antes de sermos arquitetos.

A permanente Crise, as constantes Catástrofes Naturais, o desenvolvimento dos Subúrbios serão certamente temas que queremos aprofundar nesta publicação, mas também outros temas que condicionam e influenciam a arquitetura portuguesa como o número de arquitetos em Portugal a chegar aos 20.000, o número de arquitetos à beira do Desemprego e por outro lado a crescente diversidade de Novas Profissões onde os arquitetos conseguem dar o seu contributo.

Queremos que esta seja uma publicação que faça um ESTUDOPRÉVIO sobre o ensino e a prática em arquitetura e que amplie o debate sobre as condições e as condicionantes da nossa profissão, para que possamos continuar a evoluir através da partilha de experiências, de opiniões e de trabalhos de investigação. Só assim poderemos construir uma base sólida, aberta à procura de soluções para os novos problemas e desafios que o mundo enfrenta nos dias de hoje.

O núcleo desta publicação centra-se nas Entrevistas e no sistema aberto de Submissão de Artigos. As Entrevistas são focadas em gerar conversas que flutuam entre as práticas pedagógicas, de investigação e profissionais de cada entrevistado e podem ser lidas, em português e inglês, mas também podem ser ouvidas diretamente no site; os Artigos funcionarão em sistema de call-for-papers, selecionados pelo conselho editorial.

No mesmo projeto temos ainda espaço para promover o convite à leitura, fazendo apresentações de livros recentemente publicados, mas também de clássicos – livros que se tornaram importantes referências para a Arquitetura.

 

filipa ramalhete + joao caria lopes